Campanha de vacinação contra Aftosa na Bahia começa nesta quinta-feira

02/11/2012 14:53

Campanha de vacinação contra Aftosa na Bahia começa nesta quinta-feira

A segunda etapa da campanha de vacinação contra febre aftosa 2012 na Bahia começa nesta quinta-feira, 1º de novembro. Nesta edição devem ser vacinados apenas os animais de até 24 meses, exceto nos oito municípios que compõem a Zona de Proteção – Casa Nova, Remanso, Campo Alegre de Lourdes, Pilão Arcado, Buritirama, Mansidão, Santa Rita de Cássia e Formosa do Rio Preto. Nestas cidades, todo o rebanho precisa ser vacinado contra a doença. Apesar do longo período de estiagem que tem castigado o semiárido baiano, os pecuaristas imunizaram 95,65% do rebanho, estimado em 11.587.459 de cabeças, na campanha contra a febre aftosa em maio deste ano. Após vacinar o rebanho, todos os pecuaristas devem declarar a vacinação em um dos escritórios da Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), órgão vinculado à Secretaria da Agricultura.

“Os números refletem todo um esforço entre criadores, associações, sindicatos, governo do Estado e Ministério da Agricultura, pela adesão ao Programa Nacional Contra a Febre Aftosa no país”, comenta o secretário da Agricultura, Eduardo Salles, ressaltando que, mais do que índices e dados, as campanhas de vacinação contra a febre aftosa apontam o comprometimento dos criadores pela sanidade do rebanho e para tornar o negócio pecuário igualitário na Bahia.

Para o diretor geral da Adab, Paulo Emílio Torres, os números da primeira etapa da campanha mostram o trabalho sério dos pecuaristas da Bahia, em conjunto com o governo do Estado e demais parceiros, visando a sustentabilidade da pecuária. “Temos certeza que os criadores irão, mais uma vez, atender ao chamado da Adab/Seagri. O resultado de hoje reflete a qualidade do agronegócio baiano, a parceria com as entidades ligadas ao setor e a competência das ações que a defesa sanitária na Bahia é capaz de realizar”, diz o Torres, lembrando que vacinar os animais jovens é importante porque essa é a faixa etária mais susceptível ao vírus da Febre Aftosa. “Por isso é necessário o esforço máximo dos produtores para alcançar altos índices de vacinação nos animais de 0 a 24 meses, inclusive nos bezerros recém nascidos”, acrescenta o diretor lembrando que cada dose da vacina tem 5ml, quantidade utilizada para todas as faixas etárias.

Vale ressaltar que na Zona de Proteção da Bahia todo o rebanho existente, estimado em 268.462 cabeças, deve ser vacinado porque a região faz divisa com estados classificados ainda com risco médio para aftosa. “Com isso a Bahia reforça a proteção de toda sua pecuária contra a enfermidade de maior importância para a economia mundial e garante a manutenção de sua Certificação Internacional de Zona Livre de Febre Aftosa com Vacinação”, finalizou o diretor de Defesa Animal da Adab, Rui Leal, destacando que os criadores já estão conscientes do seu papel para esta etapa de vacinação em novembro.


Autor: Ascom Adab

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!